O Capacete

quarta-feira, fevereiro 11, 2009

«Toca a levantar pá! Preparaaar! Vamos lá confirmar o equipamento todo rapaziada! Estão prontos? Vou contar até três. Depois saltam, ok? Um.. dois... três! Vamos vamos vamos!»

Não é por nada, mas de cada vez que vejo desportos radicais, é recorrente surgirem-me dúvidas, incertezas, alguns porquês e não raras vezes perda total dos sentidos. Desde quando é que, por exemplo, o Bungee Jumping é considerado desporto? Aquilo é tão desporto como passar uma temporada na apanha do morango em França! E quem diz Bungee Jumping diz Sky Surf ou Queda-livre. Porém, o mais intrigante nem é o conceito; O que mais me chama a atenção neste tipo de passatempo, chamemos-lhe assim, é o uso do capacete. Peguemos no exemplo do Pára-quedismo. Para quê usar capacete num desporto destes? Dá para.. chegar lá? Podiam simplesmente usar um chapéu com plumas, um boné do Beira-Mar ou um chapéu de palhas. Que diferença faria? Sejamos francos, um tipo salta de um avião a quinze mil pés de altitude, por uma razão desconhecida o pára-quedas não abre... e estão à espera que o capacete os salve? É isso que eles pensam que acontece? Mas será que estes tipos sabem quem é/foi Isaac Newton? A gravidade existe. Os corpos caem. É tão certinho como o Natal ser em Dezembro.
____________________
Porque Seinfeld is Life.

25 comentários:

rosemary disse...

LOL! Realmente, é uma pergunta pertinente. Não se percebe! Parece que estou a ver uma conversa entre mãe e filho: "Mãe, vou fazer bunjee jumping!"; "Tem cuidado filho! Não te esqueças do capacete!"

Bjs*

pinguim disse...

usam o capecete talvez por uma questão de estética x)

Castiel disse...

Já fiz a mim mesma essa mesma pergunta! De facto, qual é a ideia? "hmmm vamos por um capacete que é pa disfarço o facto de se nos estatelarmos no chão, estamos minimamente protegidos, porque se formos sem capacete as pessoas podem pensar que somos malucos"...

iAna disse...

não sei se com um boné do benfica as coisas iam correr bem..! eheh ;)

(brincadeira..!)

bj

mrgrd disse...

Talvez um chapéu igual ao do Tom Sawyer...

Catarina disse...

Só mesmo para dizer que tem..!

t. disse...

Pois não importa o perigo, a armadura é contra si, como na maioria das precauções...

coisas minhas disse...

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL...
realmt nunca tinha pensado nisso.. mas tens a tua razao**

Maria Miguel disse...

é mesmo verdade x) se cairem, não salvam a cabeça de certeza! *

Aubergine. disse...

Há dias vi um documentário, já não sei onde, estava um paraquedista preso numa árvore, veio uma rajada de vento e o homem veio de cabeça para o chão, o capacete foi-lhe útil, mas é 1 em muitos milhares por aí assim ... Nos outros todos, deve servir para lhes aquecer a cabeça :P

Aubergine *

V disse...

Mas olha que o Natal em outras religiões não é em Dezembro :p

Mintolita disse...

Ora, nada mais útil que o capacete. Protege de excrementos de aves enquanto estamos no ar. E dá mais nas vistas...Imagina que aparece um avião, do nada, e que vai na direcção do paraquedista (os aviões não viajam a essa altura mas suponhamos). Os pilotos avistam o capacete e "Pera lá. Vamos mudar de rota porque está ali um ponto de cor que creio que seja um capacete". E mais um dia salvo pelo uso de equipamento altamente sofisticado.

É a minha teoria.

Elanor-Niphredil disse...

eu pessoalmente gosto bastante do termo "queda-livre"...sei lá acho que traduz bem o momento em si...

o capacete faz toda a diferença...em caso de queda desenfreada haverá sempre menos "desperdícios" espalhados lololol

kiss

Sandra disse...

mais uma vez lá estás tu a dizer aquilo que todos acham mas que ninguém nunca diz. hehe.
confesso que se tivesse coragem, adoraria fazer bungee jumping, mesmo! mas falta-me a coragem, credo.. mas não deixo de ficar fascinada com os que fazem :D
em relação ao capacete, pronto acho que já disseste grande parte daquilo que há para ser dito..

beijinho

'stracciatella disse...

Eles usam daqueles capacetes que têm uma lata de cerveja de cada lado e uma mangueira que as liga à boca. Parece.me perfeitamente compreensível...

***

Maria disse...

O meu medo deve ser comum a mais pessoas, sim? Nem que seja ás criancinhas de 6 anos ;)

Wilson disse...

O "maravilhoso" programa que é o "Tá a Gravar" permite-nos conhecer um pouco mais o lado de não conseguir abrir o pára-quedas quando se faz queda livre.

Mas o que mais me intriga é que eles nunca saem magoados.

Ivan: se calhar é mesmo do capacete.

O capacete é a salvação.

Cat disse...

1º se fizesse bungee o unico musculo que exercitaria era o cardíaco!!!! nisso concordo contigo!

2º não é tão certo como o Natal ser em Dezembro... PORQUE O NATAL É QUANDO UM HOMEM QUISER! :D

Tens uma maneira diferente de escrever... e eu gosto! :p continua!

Cressélia disse...

Eu acho que é por causa de quando se choca com os pássaros, ou se alguém atirar uma pedrada para acertar no paraquedista, sempre foi isso que pensei...

Cat disse...

passa no meu blog... surprise!!!

Ana Rita disse...

Realmente nunca pensei dessa maneira, mas tens uma certa lógica!

Van disse...

Ivan,
Belo blog. Ótimos escritos!
Parabéns! ;)
Beijucas

VAN FILOSOFIA!

Bruce disse...

Tens aqui um blogue interessante de se ler; parabéns!

Quanto ao post:

Pela simples razão que em algumas situações salva vidas/diminui os danos de um acidente.

É óbvio que se o pára quedas não abrir não lhes vai servir de muito, agora noutros casos, como um hipotético enrolar do mesmo, ou ficar preso em árvores, aí é bastante útil.

Enfim há várias situações possíveis, improváveis mas possíveis, que ter um capacete ajuda.

Anônimo disse...

No bungee jumping já dava para usar o capacete... já que se a corda se partir, vamos de cabeça :P

Grande Mota!

TC

  © Blogger templates Newspaper by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP