O Polichinelo

sexta-feira, agosto 06, 2010

«O Facebook é um banho sujo. Uma espécie de banheira cheia de lama, não?» - Pedro Paixão.

Ora sejamos coerentes, isentos e imparciais como manda a lei senhoras e senhores. Todos nós - sem exceção - temos consciência do fenómeno Facebook. Todos nós - sem exceções - sabemos que tudo não passa de um jogo de vaidades, de uma mentira, de um imenso jogo de máscaras. Todos - mesmo todos - sabemos, por experiência própria, o que é acordar de manhã e descobrir que temos trinta e cinco novos 'amigos' (o que é estranho - no meu caso - porque só tenho um). Em suma, todos - e é com propriedade que o digo - sabemos o quão viciante e exibicionista uma rede social pode ser. Por outro lado, para lá da logística que envolve, por certo, a criação de uma rede como esta, o seu sucesso dependerá sempre - em primeira instância - da maneira como este é divulgado, do alcance dessa divulgação e, muito importante, da relação entre o programa e os seus usuários - sim, bem sei que não é muito original da minha parte dizer isto mas é um facto. Para que esta relação funcione é preciso que o seu criador tenha experiência, um conhecimento alargado do mercado e dos públicos e uma valente dose de sorte. Neste caso, em concreto, tudo parece ter corrido bem.

Chegou o momento, sem mais delongas, de gritar, a uma só voz, vitória! É com pompa e, de certo, alguma, circunstância que anuncio, em primeira mão, o nascimento de um novo e revolucionário projecto - o meu Facebook. Bem, desta é que não estavam à espera...
_______________________
Cuidado com os teleféricos.

13 comentários:

Wilson disse...

Não estava mesmo à espera até porque tu, que pelos textos costumas distinguir-te das massas, agora juntaste-te a elas :b

Fizeste muitíssimo bem. O Facebook, com moderação, até faz bem x)

Cuca disse...

Eu tenho conseguido resistir ao facebook sem grandes dificuldades. Tive um "hi5" ao qual não dei importância nenhuma e depois acabei por cancelá-lo. Falta de tempo, de vontade, de interesse, não sei... mas o meu marido é que é todo adepto destas coisas! Mas convém estarmos atentos às novidades e acompanhar a evolução das coisas.

Selenyum disse...

Já tens uma data de amigos... :p

Kika disse...

Tu és completamente louco!

Emília das Meias às Riscas disse...

Ahahaha. mas que grande choque! ;)

o facebook é como a coca cola, são ambos uma água suja do capitalismo. mas eu continuo a beber coca cola, e tenho facebook. pactuo na teia e nem sequer dou por isso.

'stracciatella disse...

Não sei se te recordas de que o nosso primeiro contacto foi nessa fantástica rede social, de seu nome Hi5.
(Bem que estranhei o pedido de amizade. Ivan no FB é algo com que não contava!)

ritinha disse...

Eina ! Não estava mesmo nada à espera. Mas confesso, desde já, que vou dar uma espreitadela ao teu novo projecto :p

pinguim disse...

adorei a forma como anunciaste que possuis um fb :p

AL disse...

é, aquilo é uma treta, mas quase q ñ há como escapar-lhe! as pessoas q conheces estão lá praticamente todas, e se ñ as "visitas" acabas por perder o contacto,as notícias, a 'onda' toda -
quase q te levam a mal se ñ respondes à 'chamada diária': "boa noite, durmam bem", "olá, bom dia, q fazes hoje?" - é q nem e-mails, nem blogues, até os tlms estão a perder terreno: se ñ estás no fb ou outra coisa semelhante, pura e simplesmente, ñ existes!

bjis e .. welcome!:)

AL disse...

porque te admiro - muito!
e porque este teu blogue é, há muito, um exemplo - do bem escrever, de inteligência, capacidade crítica, olhos abertos sobre o mundo, 'galardoei-te':) com o prémio "Blogue de Ouro".

Vai buscá-lo aqui abaixo, sim?

http://o-vento-que-passa.blogspot.com/

bjis!

CG disse...

Todos nós temos a mesma opinião em relação ao facebook, mas acabamos por ter todos uma conta :P
Big Kisses

coisas minhas disse...

vocemece tem uma amiga em comum cmg =O

mundo pequeno

  © Blogger templates Newspaper by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP