Mercury Rev

sexta-feira, dezembro 05, 2008

«Foi de garrafa de vinho tinto em punho que Jonathan Donahue, vocalista dos Mercury Rev, deu entrada em palco no concerto deste sábado à noite na Aula Magna...»


Ele há bandas que não enganam. Os Mercury Rev são claramente um desses casos. A banda de Donahue fez estremecer os alicerces da Aula Magna com um espectáculo, sem dúvida, fabuloso. Plácidos, intimistas e ousados ... Os grandes Mercury Rev.

É oficial, os Mercury Rev deram um dos melhores concertos do ano e ponto final. Enquanto as televisões davam ênfase às enchentes que, um pouco por todo o país, alagavam tudo e mais alguma coisa, também a Aula Magna ia enchendo, não de água mas de pessoas portadoras de um bom gosto fora-de-série. O que de início parecia ser uma casa vazia, rapidamente se tornou numa plateia (quase) repleta, entusiasta e apaixonada.

À hora marcada, um enorme placar passou várias imagens de capas de discos/livros, juntamente com citações, muitas delas proféticas. De seguida a banda surge em palco e fulmina tudo e todos com o fabuloso «Snowflake in a Hot World». Daí em diante, foi um coleccionar de mais êxitos, luz, som, histerismo, 'Opus 40', aplausos, 'Holes', nostalgia, paixão, 'Tonite It Shows', deslumbre, fantasia, 'Goddess On A Highway'' e 'Dark Is Rising'. Como é possível ficar indiferente a tudo isto?
___________________________
Cuidado com os teleféricos.

1 comentários:

m disse...

Grande bateria. Tudo muito psicadélico, tudo muito, mas mesmo muito BOM! E sempre sem pausas.
Thks

  © Blogger templates Newspaper by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP